Fundo Paginas Justiça e Paz
sd sadas d saodaspd as das dasddi f d ifºsdf sdfç sdfidfds fds fsdfidsof sd fosd fsdfi sdif sF SD FPSD IFO SDIOF SD PF SDFDSPFO SDP F
sd sdsd s ds dsdsd s
sd sdsd s ds dsdsd s
sd sdsd s ds dsdsd s

Abertura do Ano Pastoral

Abertura do Ano Pastoral

Depois da mesa da Eucaristia, a mesa posta na sala de jantar, à espera de todos

 

Na quarta-feira 21 de Outubro, teve lugar no Instituto Justiça e Paz o dia da abertura do ano pastoral.

Todos os grupos que fazem parte da missão do Instituto Justiça e Paz reuniram-se para conhecer as diretivas para este ano do Instituto Justiça e Paz, o caminho e o projeto de cada grupo. Foi um momento em que pudemos abraçar tudo o que se faz na Casa, crescendo assim como "corresponsáveis no cuidado da casa comum"

Depois tivemos a Eucaristia presidida por D. Virgílio, nosso bispo, que se dirigiu aos estudantes no sentido de confirmar o caminho que se está a trilhar. Dizia-nos que cada evento pastoral tem que ter como fim o encontro pessoal com Jesus e que se alegrava com o caminho que a Pastoral do Ensino Superior está a fazer nesse sentido.

Partilhando connosco a visita ad-limina, que teve recentemente em Roma com o Papa Francisco, pediu que o nosso trabalho de evangelização não esquecesse que a mensagem do Evangelho não se limita a iluminar a mente, ainda que seja muito importante conhecer o conteúdo. Cristo, a quem transmitimos, necessita de passar ao coração que é a sede dos melhores e dos piores sentimentos. A realidade da fé deve ser amada e querida. Finalmente tudo isto precisa de passar para as mãos, para a ação que, efetivamente, vai mais longe do que as palavras. A mente, o coração e as mãos são os que nos dão a possibilidade de construirmos a vida, a sociedade, as amizades. Convidou-nos a que, desta forma, nos tornássemos as Suas mãos, os Seus pés, a Sua capacidade para agir. O Papa assim deu-nos um método para aqueles que O procuram, pediu que não descuidássemos nenhuma destas vertentes (mente, coração e mãos). O Evangelho tem tanta riqueza que é importante cuidar de todos os aspetos.

Falou também que há momentos de muita escuridão na vida de uma pessoa. Uma noite na Latada ou na Queima pode ser um encontro com uma grande escuridão e Cristo é a luz que ilumina tudo. Há pequenos gestos que representam pequenas luzes, mas que podem iluminar muito porque levam Cristo, a sua palavra e o seu amor. Como exemplo referiu a Missão Possível, aí, de pequenos grupos que chegam a iluminar grandes multidões. Assim nos desafiou a ser criativos na forma de ir ao encontro de todo o estudante do Ensino Superior.

A Missa foi animada de uma forma muito bonita e cuidada pelo coro do SPES.

Rita Borges
Servidores do Evangelho

 

22 Outubro 2015

 

 

 

Morada

 

 

Telefone

 

Email

Couraça de Lisboa, nº30
3000-434 Coimbra

 

239 822 483

 

iu.justicaepaz@gmail.com

Twitter
junta-te à conversa